InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seConectar-se
Compartilhe | 
 

 Não cumpriu sua promessa! ( one shot )

Ir em baixo 
AutorMensagem
racquel
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 421
Idade : 22
Localização : No quarto do Tom xD Me procura lá que vc acha xD
Emprego/lazer : só estudo num faço mais nada inda bem *O*
Humor : bom...sou calma, até alguem chegar e me irritar ù.ú
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 27/06/2009

MensagemAssunto: Não cumpriu sua promessa! ( one shot )   Sex Out 30, 2009 11:00 pm

Título: Não cumpriu sua promessa!
Autora: Kell ( eu *-* )
Par: Tom/Bill
Gênero: Twincest, drama, romance
Disclaimer:
Não me pertencem, nada disto é real. Bill e tom nao me pertencem. Apenas o enredo é meu.
Classificação: + 13
Completa: Sim
Introdução: Eu estou esperando você...mas algo me diz que você não vai voltar.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
racquel
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 421
Idade : 22
Localização : No quarto do Tom xD Me procura lá que vc acha xD
Emprego/lazer : só estudo num faço mais nada inda bem *O*
Humor : bom...sou calma, até alguem chegar e me irritar ù.ú
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 27/06/2009

MensagemAssunto: Re: Não cumpriu sua promessa! ( one shot )   Sex Out 30, 2009 11:06 pm

oq está em italico são as lembranças! kiss =**

[Bill]
Faz dois meses que você viajou e, até agora, não me ligou. Por quê?

Andava de um lado para o outro, com uma foto sua que eu fazia questão de apertar contra o meu peito.

- Bill, tenho algo para lhe dizer.- Ele entrou no meu quarto sem bater.

- Diga, Tomi.- Sorri, como sempre fazia. Mas ele continuava com a cabeça baixa.

- Eu recebi uma proposta.- Sentou na minha cama, ao meu lado.

- Que proposta, Tom?- Não sei dizer, mas fiquei com um pouco de medo.

- Você sabe que eu sempre fui bom em dançar hip hop, não é?

- Sim, continue.- Estava me dando nos nervos sua demora.

- Me convidaram para dar aula em outra cidade...por um ano.- Seus olhos se encontraram com os meus.

Então era isso.

- Você quer ir?- Perguntei um pouco receoso. Nunca fiquei longe dele. Imagine um ano?

- Eu...só aceito se você também concordar.- Vi nos seus olhos que ele queria ir, ele amava aquilo.

- Promete me ligar todos os dias?- Senti as lágrimas querendo
sair. Se eu pudesse, eu iria. Tinha minha faculdade, não poderia ir.

- Claro, sempre. Não deixarei de te ligar nenhum dia.- Senti ele

me abraçar forte, também estava chorando. Selamos nossa promessa com um
beijo rápido nos lábio, que nenhum de nós dois se importou. Nos
amavámos demais. Pelo menos, eu o amava muito mais do que deveria.


Sento-me no sofá, ele parece tão grande sem o Tom. Liguei a
televisão e fiquei mudando de canal. Não tinha nada interessante
passando. Decidi deixar no jornal, talvez passasse algo interessante,
mas a verdade é que não estava prestando atenção. Olhei para o telefone
me perguntando se iria me ligar ou não.

Me perdi em meus pensamentos, mas algo me disperta. O telefone
começa a tocar. Eu exito um pouco antes de atender, rezando um pouco
para que seja você me ligando.

- Alô?- Minha voz estava trêmula.

- Bill?- Era a voz que tanto conhecia.

- Tomi?- Disse enquanto deixava algumas lágrimas caírem. Estava muito feliz.- Onde você está? Como você está?

- Dentro de um avião, voltando pra você. Estou ótimo em saber que logo vou poder te abraçar de novo.

- Mas...você não iria dar aulas?

- Iria, mas não aguentei ficar longe de você. Não conseguia te ligar, meu professor é muito chato.

- Ahhh, Tom, estou tão feliz.- Eu praticamente pulava.- Te amo tanto.- isso não soou apenas fraternal, e ele percebeu.

- Bill, também te amo, muito. Mais do que deveria.- Mesmo estando
longe, sentia que ele sorria. Uma alegria imensa surgiu em mim quando
eu ouvi ele dizer isso. Mas, não sei por que, soou como uma despedida.

- Qual avião?- Perguntei. Minha intenção era de esperá-lo no aeroporto.

- Gol, voo 1907.

- Vou ir te esperar no aeroporto.- Sorri.

- Ah! Bill! Não pre...- Ele parou de falar.

- Tom?- Ele não respondia.- TOM?- Gritei, aquilo estava me
assustando- De repente, comecei ouvir alguns gritos.- TOM?- Meus olhos
se enchiam de lágrimas.

- Bill...- Parecia que estava fazendo esforço para falar.- Não se esqueça...eu sempre te amei.

- TOM? O QUE ESTÁ ACONTECENDO?- Uma tristeza enorme invadio meu peito. Ouvi o celular dele caindo.- TOM?

Apresentador: Estamos aqui, ao vivo, filmando o
avião que caiu à poucos minutos, perto do aeroporto, por uma
aterrissagem que, infelismente , não foi bem sucedida- Sentia uma dor
em cada palavra do que ele dizia.

- Tom?- Ainda tentava falar com você, mas minha atenção estava toda na televisão.

Apresentador: O voo 1907, da Gol, explodiu ao
colidir com outro avião que já tinha aterrissado e...- Não consegui
prestar mais nenhuma atenção no que ele dizia. Deixei o celular cair.
Não adiantaria nada tentar falar com você, não é?

Sentia dores por todo meu corpo.

Então era isso. Eu não iria ficar sem você por apenas alguns dias. Seria a vida toda.

Mas você disse que iria voltar e me abraçar, como sempre fez.

- Tomi!- Choraminguei enquanto andava para perto dele.
- O que foi, Bill?- Estava preocupado ao me ver chorar.
- Eu...eu...- Ele olha meu joelho ferido.
- Céus, Bill. Como fez isso?- Ajoelhou-se ao chão e olhou meu machucado.- Eu...cai.- Chorei. Parei no mesmo instante em que senti ele beijar meu machucado.

- Agora vai sarar.- Levanta e fica na minha frente e me abraça.

Prometeu que iria voltar para mim.

- Tomi.- Puxei ele pela manda de sua camisa larga.
- Que foi, Bill?- Estava meio impaciente.
- Você vai demorar?- Ele iria para uma festa e me deixaria algumas horas sozinho.
Ele sorriu.
- Não, Bill. Eu vou voltar o mais rápido
possível.- Me deu um selinho nos lábio, me fazendo corar. Ele riu.
Abriu a porta e eu o vi desaparecer aos poucos. Eu estava feliz, pois
sabia que ele iria voltar. Ele nunca mentiu para mim.



Prometeu nunca me abandonar.
- Tom, não me deixa aqui sozinho.
- Bill, você já tem idade suficiente para dormir sozinho.
- Mas eu tenho medo. E se tiver algum monstro?
- Não existe nada disso.- Dizia enquanto abria a porta para sair.
- Não me abandona, por favor.- Pedi manhoso.
Fechou a porta e voltou seu olhar para mim.
- Ok, eu fico aqui essa noite.- Eu sorri, e ele fez o mesmo. Se aconchegou embaixo dos cobertores junto comigo.
- Eu nunca vou te abandonar.- Adormecemos juntos.

Prometeu ficar sempre comigo.

- Tom.- Uma garota ruiva o chamou.
- O que quer?- Ele perguntou enquanto ela fazia charminho. Eu apenas ficava olhando.
- Que tal ir na minha casa hoje à noite? Meus pais não estão.-
Fiquei com medo de que o Tomi aceitasse. Nossos pais tinham ido viajar
e, se ele fosse, eu ficaria sozinho. Abaixei a cabeça, provavelmente
ele aceitaria.

- Sinto muito.- Pegou na minha mão.- Vou ficar com meu irmão, muito melhor do que estar com você.- E me puxou para irmos embora. Me senti realizado. Ele preferia à mim.

Prometeu cuidar de mim.

- Tomi.- Abracei ele e comecei a chorar.- Os nossos
pais...eles...eles não vão mais voltar pra gente.- Sentia que ele
também chorava.

- Eu sei, Bill, eu sei...- Tentava ser, como irmão mais velho, mais forte.
- Tomi...- Abracei-o mais forte.- Promete nunca me deixar?
- Nem precisa me perguntar isso.- Ele me olha nos olhos.- De agora em diante...- Aproxima sua boca do meu ouvido.- Eu vou cuidar de você.- Fechei os olhos um pouco mais tranquilo, afinal, ele iria cuidar de mim.

Ajoelhei-me no chão, abraçando a mim mesmo.

- Mas, agora, nunca vai poder cumprir suas promessas, Tomi.

E você nunca tinha deixado de cumpri-las...até aquele dia.

Uma vida sem você seria apenas uma vida vazia, obscura, morta, irreal.

Te perdi naquele instante.

Perdi meu maior desejo.

Perdi meu grande amor.

Perdi a parte da minha alma

Perdi...meu único irmão.

FIM
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Não cumpriu sua promessa! ( one shot )   Sab Out 31, 2009 3:13 am

Oh pá, fizeste-me ficar com as lágrimas nos olhos Ç.Ç
Mas é que me fizeste mesmo ><
Eu ultimamente tenho andado tão emocional T.T
Gosto tanto daquilo que tu escreves =.
Quero mais coisinhas tuas, please. *-*
Bjo. <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
 
Não cumpriu sua promessa! ( one shot )
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Body Language {18} one-shot
» Diário de um MACHO! (Comédia One-Shot) POSTADA!
» Doce Ódio [One-Shot]
» One Shot-Um Simples Beijo.
» A babá dos Kaulitz - E o que aconteceu com o Tom? [One-Shot]

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH-twincest :: Fan-made :: Fanfiction-
Ir para: