InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seConectar-se
Compartilhe | 
 

 Prisioneiro de um desejo

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

acham que devo postar?
claro
95%
 95% [ 19 ]
sim
5%
 5% [ 1 ]
Nao
0%
 0% [ 0 ]
Total dos votos : 20
 

AutorMensagem
kaulitza
Convidado



MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Dom Ago 09, 2009 4:49 pm

Shocked ai.. est forum é tao fixe..
continuaa...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rockabilly
Tarad@
Tarad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 319
Idade : 27
Localização : ao lado do Bill
Humor : Perverso XP
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 11/02/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Dom Ago 09, 2009 6:26 pm

Bill ajuda o Tommy senao ele vai preso Ohhh Goshhh ai Bill se nao ajudas

continua rapido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rockabilly
Tarad@
Tarad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 319
Idade : 27
Localização : ao lado do Bill
Humor : Perverso XP
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 11/02/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Dom Ago 09, 2009 6:27 pm

Bill ajuda o Tommy senao ele vai preso Ohhh Goshhh ai Bill se nao ajudas

continua rapido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miss_Blood
Viciad@
Viciad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 380
Idade : 25
Humor : Happy in my own darkness
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/12/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Seg Ago 10, 2009 7:15 pm

Bigada por tds os comments.. Razz

Chegara o momento de acabar com a mentira. Tom continuava no chão. Pronunciava o nome de Bill, e Bill pensou que deveria voltar-se e correr para onde estava a polícia. Mas não o fez. Seria desumano. Avançou para junto de tom e deitou-se a seu lado. Escondidos na folhagem, permaneciam em silêncio, na esperança de que a polícia os não encontrasse. Bill pensou que enlouquecera. Por que não o abandonava a sua sorte? Era um homem ferido, indefeso. Não podia abandonar um homem ferido.
Os passos ouviam-se cada vez mais perto. Aterrorizado, Tom apertou-se contra Bill, tremendo. Bill acariciou-o na fronte com ternura. Os polícias
prosseguiram o seu caminho. Tom relaxou.

- Dói muito? – Perguntou Bill.
- Bill, tu ias a…
- Podes levantar-te? – Interrompeu Bill. – Temos de ir embora. De manhã isto estará cheio de polícias.
- Para onde vamos?
- Não sei. Vamos só preocupar-nos em sair daqui.

Agarrando-se a Bill, Tom fez um esforço para se levantar mas voltou a cair. Bill apertou-o contra si. Depois de meia hora de marcha, sentaram-se.


- Ufa, és ainda mais pesado do que pareces.

- Como poderei pagar-te isto? – Balbuciou Tom.
- Cala-te e descansa que ainda temos muito que andar. Espero que não andemos às voltas em círculo.

Trôpegos, recomeçaram a andar. Bill não estava disposto a deixar-se levar pelo desespero. Pela primeira vez na sua vida, sentia que era útil. Por isso, quando ouviu ao longe aquele ruído interpretou-o como uma vitória pessoal. Abraçou Tom, entusiasmado.

- Ouves? Ouves? Chegamos á estrada.

O bosque chegava até ao limite da estrada. Bill e Tom desceram com dificuldade. A uns cem metros do lugar em que se encontravam, brilhava um sinal luminoso de uma cafetaria, mas corriam o risco de alguém notar que Bill era menor e lhe pedir os documentos. Mas era urgente tratar da perna
de Tom. Bill decidiu entrar na cafetaria para pedir ajuda, apesar do protesto de Tom, convencido de que Bill procurava uma oportunidade para o denunciar. Mas a Bill estava decidido e não se demoveu.

- Pensa no que quiseres. Voltarei para te buscar.


Será que bill ira voltar? Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tokio_hotelclelia.blogs.sapo.pt/
happy_me
Obscen@
Obscen@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 297
Idade : 25
Localização : Madeira
Humor : (:
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Seg Ago 10, 2009 8:07 pm

Claro que vai!
Não o deixou sozinho antes, não o vai deixar agora! Ora essa!
Se deixar eu faço-o comer terra >.<

POSTA MAIS *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rockabilly
Tarad@
Tarad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 319
Idade : 27
Localização : ao lado do Bill
Humor : Perverso XP
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 11/02/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Seg Ago 10, 2009 9:28 pm

Claro que o Billy vai voltar espero eu.... continua rapido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
karolthmanzini
Curios@
Curios@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 13
Idade : 24
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 03/08/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Seg Ago 10, 2009 11:10 pm

Ai mais please
Oh o Bill nao o pode deixar ali ainda por cima ferido
tadinho do Tom
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Seg Ago 10, 2009 11:14 pm

Huf... o Bill não o deixou sozinho! --.
E se ele não voltar eu vou pô-lo a dormir eternamente Ò.Ó
Ok, isto suou dramático e maquiavélico demais xD
Enfim... posta mais sim? ^^
Kiss...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
saniilove
Crític@
Crític@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 50
Idade : 24
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 04/04/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 12:37 am

ai dele k deixe o tom ai.. ai dele.. eu mato-o..
AI bill.. fax a coisa certa.. volta para o tom.. ele ama-t..
ai liebe mais mais
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miss_Blood
Viciad@
Viciad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 380
Idade : 25
Humor : Happy in my own darkness
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/12/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 3:32 pm

Gracias..^^


Sim, é verdade. Bill sempre foi superprotegido. Mas tínhamos motivos para isso. Queríamos ter mais filhos. Susan submeteu-se a vários tratamentos para ter Bill. Finalmente, voltou a engravidar. Era uma rapariga. Foi nada-morta e, além disso, a situação complicou-se. Ao saber que não poderíamos ter mais filhos, todo o nosso amor se voltou para Bill.

- Ao que parece não foi uma boa ideia – disse o capitão.
- Não foi? Porque diz isso? – Inquiriu Merrill.
- Quando estou envolvido num caso, interessa-me conhecer a verdade sobre o que sucede. Creio que o senhor não foi sincero sobre a imagem do seu filho.
- Se você não tivesse interferido com a sua gente, lá no bosque, talvez neste momento Bill estivesse sentado nessa poltrona, a falar comigo.
- Ou talvez estivesse morto - declarou o polícia.
- Se o levaram foi porque pensavam entrega-lo.
- Ou exigir -lhe, a si, um pagamento semelhante ao anterior. Porque a devolveriam se podiam repitir a operação e obter o dobro?
- Porque ficariam comprometidos.
- E para si a palavra de uns meliantes parece-lhe suficiente já percebi.
- De qualquer modo, é algo que já saberíamos se não tivesse interferido. Que conseguimos? Um delinquente morto. Nem sequer o apanharam com vida para confessar.
- Não posso deixar de pensar que talvez a sua filha não quisesse fugir dos sequestradores – disse Perlberg.
…/


Ao regressar para junto de Tom, Bill disse:

- Volta a apoiar-te em mim. Aquilo parece ser seguro. Tem poucos clientes e parecem ser da região.

Todos os presentes se voltaram quando a porta se abriu. Bill pediu ajuda. Um dos clientes disse que o melhor seria chamar um medico. Bill respondeu que o médico estava a espera deles, mas não tinham forma de chegar até sua casa – e indicou uma localidade do outro lado da cidade. Um homem desceu do banco onde se encontrava.

- Eu levo-vos, pois tenho que regressar a Berlim.

Logo que se sentou na carrinha, Tom adormeceu, extenuado. Ao inicio da madrugada atravessaram a cidade. Bill não pode deixar de pensar nos
pais, enquanto passava perto de sua casa para destino incerto. O condutor deteve-se no local indicado. Antes de continuar viagem, assomou á janela.

- Filho, espero que saibas o que estas a fazer – disse.
- Sim, senhor. Obrigado – respondeu Bill. – Pela primeira vez na vida estou a fazer o que devo.


Avançaram com dificuldade, até chegarem a uma casa abandonada. Tom estava coberto de suor.

- Estamos longe da casa do médico? – Perguntou tom.

Como poderia Bill explicar-lhe que a luz da cabana tinha sido apenas uma desculpa para despistar o condutor do camião? Não tinha a menor ideia sobre como procurar um médico àquelas horas.
De modo que não respondeu. Deitou Tom no chão junto a uma parede, para que pudesse apoiar as costas. Voltou a agachar-se junto a ele.

- Escuta, Tom, vou deixar-te aqui para ir buscar um médico. Tenta dormir.
- Estou a morrer… é isso?
- É só uma ferida, nada de mais, Tom. Depressa recuperarás. Estarei de volta logo que possa

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tokio_hotelclelia.blogs.sapo.pt/
happy_me
Obscen@
Obscen@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 297
Idade : 25
Localização : Madeira
Humor : (:
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 3:49 pm

Ai Bill tu stressas-me '--
Tenho a certeza se eu abrisse a tua cabeça, estava muito pior que o meu quarto xD
Se tu me abandonas o Tom... eu... aff estou farta de fazer ameaças '--
Só não abandones o Tom ok?^^
Good boy Bill *-*


MAIS MAIS MAIS!!! Twisted Evil
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 4:50 pm

Eu sinceramente também não percebo o que vai na cabeça do Bill --'
E também já estou farta de fazer ameaças _ _'
Enfim...
Posta mais sim? ^^
Rapidinho =)
Kiss..
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
saniilove
Crític@
Crític@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 50
Idade : 24
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 04/04/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 11:02 pm

tax a deixar-me confusa .. Billlllllllllllllllllllll..
olha menina clé eu nao saio daki até postares.. lol.. só que agra vou papar..xD
KELO MAISSSSSSSSSSS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miss_Blood
Viciad@
Viciad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 380
Idade : 25
Humor : Happy in my own darkness
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/12/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Ter Ago 11, 2009 11:35 pm

Desculpemmmmmmmmmmmmmmm.. é k ando com a cabexa um pokito confusa.. mais s kiserem eu paro

Enquanto caminhava, pensamentos sombrios cruzavam-se na sua mente. Seria verdade que Tom estava gravemente ferido? A situação era clara: ou se fechavam naquela casa á espera que Tom morresse ou avisa a Polícia. Eles poderiam salvar-lhe a vida. Não se imaginou a correr para o telefone para o denunciar. Mas não seria um gesto humano?


- Não os encontramos - suspirou Otis.
- Não me digas que não mandas-te fechar as estradas… - disse Perlberg.
- E cerquei o bosque e ordenei que os procurassem. É como se a terra os tivesse engolido.
- Haveria outro á espera deles?
- Não. Teríamos interceptado o veículo.
- Só vi um sequestrador com o jovem.
- E um dos dois está ferido – disse Otis.
- Ferido? – Inquietou-se Perlberg. – Como sabes?
- Encontramos sangue no bosque. Quando for dia, as coisas serão mais fáceis. O sangue indicar-nos-á o caminho que seguiram.
- Ótis, há muita coisa neste caso que não entendo. Não seria normal que o rapaz corresse para nós quando tentamos liberta-lo? Mas isso não aconteceu. E aquela historia do cadáver que encontrou na praia! Estarão as duas coisas relacionadas?
- Creio que tem razão. Várias testemunhas viram-no ajudando o jovem ferido que ia com ele. E já não estão no bosque.
…/

Ao vê-lo, Gustav olhou para o relógio. Bill contou-lhe a verdade, angustiado, suplicou que os ajudasse.
- De modo que, agora, depois de me teres desprezado, voltas-te para mim…
- Não tenho a quem recorrer… - admitiu Bill
- Dizes que necessitas de um médico que não fale.
- Sim.
- Segue-me. Tenho um jipe lá atrás.

Gustav entrou por uma azinhaga e deslizou o motor. Regressou pouco tempo depois.

- Já avisei o médico. Está á nossa espera. Quando entraram. Tom acordou e, ao ver Bill, sorriu. Mas, ao descobrir que não estava só, peloseu rosto passou uma expressão de medo.

- Acalma-te, Tom. Vamos levar-te ao médico.
- Ao médico… da polícia? – Desconfiou Tom.
- Não, rapaz, não – interveio Gustav. – Um médico que te vai ajudar e que não quer nada com a policia.

O médico examinou a ferida. Em seguida, agarrou na garrafa de conhaque e ordenou a Tom que bebesse. Foi pôr água a aquecer e voltou para junto deles.

- Faço isto por 100€ - anunciou.
- Está bem - interveio Gustav. – Amanha pago-te.
- Penso que Tom tem dinheiro – disse Bill. Procurou no bolso e deu-a ao médico. – Está bem assim?
- Sim. Agora, saiam. Quando tiver acabado, aviso.


CONTINUA se quiserem...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tokio_hotelclelia.blogs.sapo.pt/
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 12:37 am

Espero bem que o Gustav não fale Evil or Very Mad
Senão eu passo-me e dou-lhe um tiro Ò.Ó
Eu não quero que tu pares x.x
Eu quero que tu continues. E rapidinho +.+
Kiss...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
483incest
Curios@
Curios@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 25
Idade : 23
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 11/08/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 2:02 am

claro que tenx k continuar.. ai de ti se nao continuares.. Eu xoroooooooooo..
mais
bem é assim. Tu não podes desistir agora.. é k nao podesssssssssssssssssssssssss mesmooooooooooooooooooooooooooooooooo..
continua e fiko a espera
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miss_Blood
Viciad@
Viciad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 380
Idade : 25
Humor : Happy in my own darkness
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/12/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 3:52 pm

AVISOLOL

Meninas peço imensas desculpas.. Mais não me tenho sentido muito segura para continuar as minhas fics..
E hoje acordei com a decisão que vou parar de postar..
mais continuo leitora.. lol
Bem
Hj ainda posto um cap aki e no outro.. mais sera o ultimo.
Bjinhs obrigada a todas k leram
E comentaram..
Kiss
Love all of u

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tokio_hotelclelia.blogs.sapo.pt/
happy_me
Obscen@
Obscen@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 297
Idade : 25
Localização : Madeira
Humor : (:
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 3:57 pm

Õe meu Deu!
Não podes parar Sad
não não não!
Eu adoro as fic's! Ôõõeeee! Não quero que pares! Crying or Very sad
Eu quero mais!!! Crying or Very sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 5:15 pm

NÃOOOOOOOOOOOOOOO.... oO
Não pares por favor, pelo amor de Deus, não pares T_T
Eu gosto tanto das tuas fic's x.x
Pliese! Não pares de postar... Crying or Very sad
Eu assim vou chorar Sad
Plieeeeesssssseeeee... Ç.Ç
Kiss...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
Miss_Blood
Viciad@
Viciad@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 380
Idade : 25
Humor : Happy in my own darkness
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/12/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 5:30 pm

Crying or Very sad


Perlberg acomodou-se, fatigado, na cadeira. Quando a empregada se aproximou para tomar nota do pedido, retirou a credencial do bolso e mostrou-lha. A mulher não se fez rogada e falou.

-Entraram e o menino do cabelo preto sento-o o que estava ferido no cadeirão. Quando saíram, vi sangue no chão e…
- Porque não nos avisou?
- Porque nunca me meti nos assuntos que não me dizem respeito. Os pais oferecem alguma recompensa pelo jovem? – Perguntou interessada.
- Podemos perguntar. Quem os levou daqui?

A mulher lembrava-se do nome do motorista que lhes dera boleia… Perlberg de imediato telefonou a Otis para dar as notícias. Bill e o seu sequestrador estavam na cidade. Mas onde?
…/

O médico saiu de casa e suspirou, extenuado. Quando Gustav e Bill o viram avançar, correram na sua direcção. Tom dormia e o medico pediu a Bill que o deixasse. Fizera o melhor que pudera e confiava que o jovem recuperaria depressa. Regressaram á cabana. Tom dormia. Bill ergueu os olhos para Gustav.

- Achas que o acorde?
- Sim. Não podemos comprometer o Spencer. Tens para onde ir?
- Não.
- Já vamos tratar disso. Vá, dá um beijo ao teu príncipe adormecido.
- Administrei-lhe um sedativo – disse o médico. – Podem levar estes comprimidos para as dores.

Ajudaram Tom a levantar-se. Cuidadosamente. Levaram-no até ao jipe. Com o ar da madrugada, Tom pareceu agitar-se e os seus olhos procuravam Bill. Tranquilizou-se ao ver que estava sentado no banco traseiro. Depois de agradecer ao médico e de se despedirem, partiram de regresso á estrada. Logo passaram por uma estação de serviço, e Gustav estacionou.

- os meus pais têm uma casa na praia. Talvez esteja desabitada. É a única coisa que posso fazer por vocês – disse Gustav.
- Oh! Gustav, se tivesse que te agradecer tudo quando fizeste por nós, creio que conseguia…
- Não sejas tonto. Já volto.

Gustav regressou com dois sacos e prosseguiram. Depois de os instalar, Gustav despediu-se. Tom dormia um sono sereno e Bill sentiu que existia um
vínculo genuíno entre eles. Deitou-se junto dele. Tom apercebeu-se, entre sonhos, da sua proximidade, pois estendeu o braço por baixo da cabeça de Bill para lhe servir de almofada.


Na casa dos Merrill habitavam jornalistas a porta. Quando Perlberg desceu do automóvel os olhos dele pestanejaram perante aquela interminável sucessão de flashes. Foi rodeado por uma multidão de jornalistas que o acossavam com perguntas relativas ao caso Merrill, enquanto as câmaras
televisivas se esforçavam por captar os seus gestos. Dez minutos depois, conseguiu entrar no edifício e chegar ao seu gabinete. O telefone tocava e tocava. Ao vê-lo, o ajudante apressou-se a ir até ele, justamente quando o telefone tocou. Era Gordon Merrill, desesperado porque a sua casa estava a ser assediada pelos jornalistas que lhe destroçavam o jardim e ali se mantinham, á espera. Perlberg prometeu enviar um carro-patrulha a casa dos Merrill para os proteger. Ao voltar a olhar para o ajudante, soltou um suspiro.

- Nunca conseguirei compreender as pessoas. O filho foi sequestrado e ele nem me pergunta se há novidades. Apenas quer que o livremos dos jornalistas.

- Chefe, encontramos o camião – anunciou Otis. – As informações estão ali, na sua secretaria. Por isso insistia para dar uma vista de olhos a todos os papéis. Como supúnhamos, o tipo não esta envolvido em nada. Levou-os porque lhe pareceram boa gente. De qualquer forma, teve suspeitas. Não lê os
jornais, de modo que não viu a foto de Bill até que um dos nossos rapazes lhe mostrou a foto e ele o reconheceu.

- Descreveu o sequestrador?
- É um jovem, mais ou menos da mesma idade que o Bill Merrill. Parece ser bom moço, bonito, agradável. Mas dormiu quase toda a viagem. E aparentava estar a sofrer bastante.

- Ótis, já temos o móbil – exclamou o capitão. – O motivo é o amor. Durante o cativeiro, ele apaixonou-se por Bill. Pode ser um absurdo, afinal os dois são bem, mais pronto, mas estou convencido de que foi isto. É a única explicação razoável.

- Razoável? – Repetiu Ótis. – Olhe, o homem diz que os deixou aqui na praia del Rey.

O capitão estudou o mapa e olhou para o Ótis.

- Que demónios iriam fazer ali? Preocupou-se Perlberg, cravando os olhos no mapa. – Não é um bom bairro, não para um jovem de Berlim…

Ótis, já sei o que faremos. Entusiasmou-se, virando-se para o ajudante.


Continua só até hoje. a noite posto o meu ultimo capitulo e finalizo axim. paro de mostar.. sorry pale
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://tokio_hotelclelia.blogs.sapo.pt/
Melanie Kaulitz
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 760
Idade : 23
Localização : Portugal
Emprego/lazer : Estudante
Humor : Depende dos dias
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 22/08/2008

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 6:05 pm

Oh pá! Não pares de postar T_T
Eu quero que eles fiquem juntos >.<
Pliese! Não pares.
Eu quero mais x.x
Kiss...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://o-diario-dos-disparates.blogs.sapo.pt
racquel
Convertid@
Convertid@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 421
Idade : 22
Localização : No quarto do Tom xD Me procura lá que vc acha xD
Emprego/lazer : só estudo num faço mais nada inda bem *O*
Humor : bom...sou calma, até alguem chegar e me irritar ù.ú
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 27/06/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 6:06 pm

NÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
NÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
NÃOOOOO PARA DE POSTARRRR POR TUDO QUE É MAIS SAGRADO, NÓS ESPERAMOS VC POSTAR MESMO QUE DEMORE UM POUCO MAS NAO PARA, SENÃO EU CHORO T-T Ç.Ç
ta muito boaaaaa nao para nao para naoooo
por nós
por todas nós
Ç.Ç ta perfeitaaaa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
saniilove
Crític@
Crític@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 50
Idade : 24
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 04/04/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qua Ago 12, 2009 8:41 pm

Citação :
Ótis, já temos o móbil –
exclamou o capitão. – O motivo é o amor. Durante o cativeiro, ele
apaixonou-se por Bill. Pode ser um absurdo, afinal os dois são bem,
mais pronto, mas estou convencido de que foi isto. É a única explicação
razoável.

hahahahahahahahahah.. claro k é a unika explikaxao..

AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII
...
maissssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
happy_me
Obscen@
Obscen@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 297
Idade : 25
Localização : Madeira
Humor : (:
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 15/07/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qui Ago 13, 2009 1:39 am

OMDF! NÃO DEIXAS DE POSTAR! Evil or Very Mad
E concordo com a racquel!
Adoro as fic's, e não sou só eu! Porque razão hás de deixar de postar?!!
NÃO DEIXES!! Sad Sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
483incest
Curios@
Curios@
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 25
Idade : 23
Sou : Twincest Fan
Data de inscrição : 11/08/2009

MensagemAssunto: Re: Prisioneiro de um desejo   Qui Ago 13, 2009 7:11 pm

AMORRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR
TA lindoooooooooooooooooooo..
epah.. o policia ´esperto.. Twisted Evil hahahaha
MAISsssssssssss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Prisioneiro de um desejo
Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Kaulitzcest] O Doce Desejo (+18)
» CAMERAMAN METALICO DOENTE
» FF +18 Luz do Desejo
» Todos Assistem 2.3 Traidos Pelo Desejo (1992)
» Obseção, sete vidas e um unico desejo! ( A seita Final )

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
TH-twincest :: Fan-made :: Fanfiction-
Ir para: